Botafogo vem com poucas mudanças e jogo contra Cruzeiro marca reencontro com Autuori

Compartilhe essa notícia

Duelo logo mais com o Cruzeiro marca reencontro do Alvinergro com seu ex-técnico Paulo Autuori

Visando a partida contra o Cruzeiro, neste domingo (3), atuando no Estádio Nilton Santos, o Botafogo deverá ter poucas mudanças com relação ao time que empatou em 1 a 1 com o Coritiba, no Couto Pereira. A única ausência é Eduardo, que foi expulso e vai cumprir a suspensão automática. O Glorioso conta com o retorno de Danilo Barbosa, que estava suspenso.

Com isso, o Botafogo terá uma mudança na trinca de zagueiros, com Bastos retornando ao banco de reservas para que Danilo Barbosa recupere vaga entre os 11 iniciais. No meio campo, sem Eduardo, o lateral-esquerdo Hugo deve assumir a função e reforçar o setor para o Botafogo.

O técnico Tiago Nunes tem apostado na formação com três zagueiros nesses últimos dois jogos e aprovou a mudança na equipe, apesar de o Botafogo ter sofrido o empate no final nos jogos diante de Santos e Coritiba.

A partida marca também o reencontro de Paulo Autuori com a equipe carioca, pois está na história do Botafogo como último técnico que conseguiu levar o título do Brasileiro, em 1995. Neste domingo, às 18h30 (de Brasília), pela penúltima temporada, tentará garantir a permanência do Cruzeiro na Série A, o que pode selar o fim do sonho do seu ex-clube.

Se o Cruzeiro tirar pontos do Botafogo (empate ou derrota) e o Palmeiras vencer o Fluminense, por exemplo, os botafoguenses estarão matematicamente fora da briga pela taça. Caso a Raposa vença, inclusive, um empate do time paulista, que joga antes às 16h, já será o suficiente para encerrar as possibilidades. O jogo é decisivo para o Botafogo, que não vence há seis jogos no Nilton Santos. Com 63 pontos, tem três a menos que o Palmeiras e tenta uma reação sob o comando de Tiago Nunes

Paulo Autuori ainda passou pelo clube carioca em outros três momentos, mas sem o resultado expressivo que conquistou na década de 1990.

A partida também é decisiva para o Cruzeiro (46 pontos), que ainda luta para garantir a permanência na Série A. Tem quatro pontos de vantagem para o Bahia, primeiro dentro do Z-4, mas precisa pontuar para não depender do resultado do concorrente.

Se vencer, o Cruzeiro se salva e evitará chegar à última rodada com chance de rebaixamento. Empate poderá até salvar o time, mas desde que Bahia ou Vasco (42 pontos) percam na rodada.

Paulo Autuori assumiu o Cruzeiro há quatro partidas, de forma interina e ao lado de Fernando Seabra, treinador do Sub-20. O profissional exerce função de diretor técnico e, neste momento, não pensa em voltar a exercer o cargo de treinador.

A provável escalação do Botafogo tem: Lucas Perri; Danilo Barbosa, Adryelson e Victor Cuesta; Marlon Freitas, Tchê Tchê, Gabriel Pires e Hugo; Júnior Santos, Victor Sá e Tiquinho Soares.

Foto: Gilson Lobo/AGIF

Notícia Anterior Palmeiras pega Fluminense e pode ficar com a mão na taça
Próxima Notícia Lula afirma que Brasil vai para Opep + para influenciar transição energética