Prefeitura assina contrato com Faol e renova concessão do transporte por mais 10 anos

Compartilhe essa notícia

A empresa prometeu renovação da frota e informou já ter encomendado mais 10 novos veículos. O prefeito de Nova Friburgo, Johnny Maycon, anunciou através das redes sociais a assinatura do contrato de concessão do transporte público entre prefeitura e Faol pelo prazo de 10 anos. O processo licitatório para concessão do serviço foi concluído no dia 31 de janeiro, mas como a homologação ainda não havia acontecido, a empresa atuava por meio de prorrogação do contrato temporário.

Segundo Johnny Maycon, a operacionalização do novo contrato será iniciada sem alterações em relação aos moldes utilizados atualmente para a distribuição das linhas de ônibus. Ele afirma ainda que toda e qualquer mudança, que possa vir a ser realizada posteriormente, será feita apenas com o intuito de gerar vantagens aos usuários e acrescenta que haverá um diálogo permanente com as associações de moradores e entidades de maneira geral.

O prefeito ainda falou de melhorias na oferta do serviço para os usuários: “progressivamente, vamos atender o principal desejo de todos, que é a melhoria no transporte público municipal. Em breve, os novos ônibus começarão a chegar para que, de maneira gradativa, tenhamos uma renovação da frota da concessionária”,disse.

O gerente operacional da Faol, Josimar Tardim, disse à TV Zoom que a empresa tem intenção de renovar a frota e que, inclusive, precisa se adequar aos novos moldes do edital com mais ônibus. Ele afirma ainda que, no ato da assinatura, a empresa precisa estar com 50% da frota prevista no edital. Esse percentual sobe para 75% após 180 dias a partir da data da assinatura e para 100% com 365 dias. “Hoje nós temos 112 carros na frota e o edital prevê 135. Hoje a empresa já tem mais de 50% da frota prevista no edital e a gente já fez a encomenda de mais dez carros novos pra poder incorporar na frota, visando o prazo de 180 dias. A renovação da frota vai ser gradual.” Josimar ainda disse que desde 2017, quando a nova gestão assumiu a empresa, já foi feito um investimento de R$ 45 milhões na renovação da frota.

“Com essa segurança jurídica, um contrato assinado novamente por dez anos, a gente vai, com certeza, fazer um planejamento pra fazer toda a renovação de frota e encaixar dentro dos termos atuais do edital.”

Notícia Anterior Operação da PF combate crimes transnacionais
Próxima Notícia Governo Federal libera recursos para construção de Posto de Lumiar