Conselho Regional de Enfermagem aponta déficit de pessoal no Raul Sertã

Compartilhe essa notícia

Além da luta que os servidores da enfermagem enfrentam para receber o piso nacional da categoria ainda sofrem com a sobrecarga de trabalho no Hospital Municipal Raul Sertã devido a falta de pessoal. Em um ofício do COREN, Conselho Regional de Enfermagem do Rio de Janeiro, o órgão aponta que o dimensionamento de profissionais no local está incorreto, sobrecarregando dezenas de servidores.

Em recente visita fiscalizatória no local, alguns vereadores detectaram que uma enfermaria com 9 leitos que deveria ter no mínimo 3 enfermeiros, conta somente com um profissional. No documento, o Conselho aponta que na última fiscalização feita pelo órgao, foi detectada a ausência de 144 profissionais de enfermagem. A Secretaria Municipal de Saúde informou por sua vez que, até o momento, não há entrada de nenhum ofício junto à pasta relacionado a essa questão.

Notícia Anterior RJ-116 recebe mais de 129 mil veículos no feriado e registra diversos acidentes com um morto
Próxima Notícia Número elevado de casos de injúria racial no Rio de Janeiro preocupa autoridades